PET – Saúde/Interprofissionalidade


Professores se reúnem para início das atividades do programa federal

Publicado em 11/2/2019

Os professores que participam do programa Pet – Saúde/Interprofissionalidade se reuniram para estudar e montar grupos de atuação no programa, nessa segunda-feira, 11, no campus Olezio Galotti. O UniFOA foi a primeira instituição privada do Estado do Rio de Janeiro a ser contemplada com o Programa de Educação pelo Trabalho para a Saúde, PET – Saúde.

O programa é uma iniciativa dos ministérios da Saúde e Educação, por meio da Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde, voltada ao fortalecimento das ações de integração ensino-serviço-comunidade. Participam do projeto os cursos de Medicina, Odontologia, Enfermagem, Nutrição e Educação Física – Bacharelado.

O UniFOA participa do projeto desde 2017, quando o objetivo era realizar pesquisas que atingissem à formação do profissional, o PET–Saúde/Gradua–SUS. “Nossa participação resultou em mudanças de ementas, disciplinas, currículos, além de desenvolvimento de artigos, monografias, entre outros”, relembrou o coordenador do curso de Educação Física – Bacharelado, Silvio Henrique Vilela.

Educação Interprofissional – A nova abordagem do programa tem como objetivo integrar membros de diferentes profissões resultando em um aprendizado que visa melhorar as práticas colaborativas em saúde.

Cada curso trabalha com um professor coordenador e um professor tutor, que são os responsáveis pela organização e atuação dos oito alunos de seu curso. “A proposta dessa edição é a construção de um grupo que trabalhe interprofissionalmente, entendendo a participação de todas as áreas em conjunto na promoção da saúde”, continuou Silvio.

– Além disso, estamos estudando formas de trazer alunos que desejam ser voluntários no projeto, porque, em todos os cursos, tivemos uma procura muito grande de alunos que estavam interessados em participar, concluiu o coordenador.

Reveja aqui a lista de alunos aprovados.


Veja Também: