Egresso de SI do UniFOA recebe prêmio de MVP da Microsoft

unifoa

No final de janeiro, Lucas Costa, egresso do curso de Sistemas de Informação do Centro Universitário de Volta Redonda – UniFOA, conquistou um dos prêmios mais desejados da comunidade de desenvolvedores de software, o Microsoft Most Valuable Professional (MVP) em inteligência artificial (IA). A premiação é destinada a especialistas que colocam em prática seu conhecimento técnico para liderar ações em prol de toda a sociedade, com intuito de promover inovação atrelada à resultados.

Além do prêmio, Lucas recebeu uma carta da própria Microsoft, que reconheceu todo seu esforço e contribuição de seu trabalho para a comunidade nos últimos anos:

“Os esforços dos MVPs melhoram a vida das pessoas e contribuem para o sucesso do nosso setor de várias maneiras. Ao compartilhar seus conhecimentos, eles ajudam as pessoas a resolver problemas e descobrir novos recursos todos os dias. Os MVPs são o que há de melhor e mais brilhante na tecnologia, e temos a honra de dar as boas-vindas a Lucas neste grupo”, texto da carta.

O Microsoft MVP é dedicado a profissionais que não trabalham na companhia, e tem como objetivo fortalecer a comunidade global de influenciadores da área. Desde 2021, Lucas realizou lives, workshops, podcasts e eventos gratuitamente para divulgar os conceitos e novidades sobre IA, ações de grande peso que chamaram atenção dos organizadores da premiação.

Criado há 30 anos, o prêmio já congratulou mais de 4 mil profissionais, sendo mais de 150 no Brasil, segundo dados divulgados pela própria empresa em 2021. Graças ao prêmio, o egresso se tornou um dos 3 MVPs de inteligência artificial em todo o país, e agora, faz parte de um seleto grupo de especialistas do nicho em todo o mundo.

Leia também:  UniFOA firma convênio com Igreja Católica Apostólica Brasileira que beneficiará cerca de 600 famílias em atendimentos de saúde e projetos de Extensão

Além do reconhecimento global, Lucas relata que a premiação trouxe visibilidade e um vasto networking na sua área de atuação. A sua imagem como “MVP” ofereceu-lhe um selo de excelência reconhecido por empregadores e clientes, além de ter concedido acesso a recursos exclusivos como acesso a uma rede exclusiva de profissionais altamente qualificados e influentes, ampliando seus contatos na área e possibilitando colaborações valiosas que enriqueceram ainda mais seus conhecimentos e habilidades em tecnologia:

“O prêmio transformou minha vida significativamente. Primeiramente, me proporcionando reconhecimento global como um líder em tecnologia, abrindo portas para oportunidades profissionais em todo o mundo. Tive oportunidades de aprendizado sem precedentes, recebendo acesso antecipado a produtos e informações técnicas da Microsoft, o que me manteve à frente das tendências tecnológicas. Além disso, minha visibilidade profissional aumentou exponencialmente, abrindo caminho para falar em conferências, participar de podcasts e outras atividades que reforçaram minha reputação na indústria”, comentou Lucas.

Ativo no mercado desde 2020, Lucas trabalha como coordenador da equipe de inteligência artificial e desenvolvimento de software em uma empresa de consultoria de dados e IA, tendo contato direto com os clientes. Ele sempre demonstrou interesse para trabalhar diretamente com pessoas, pois sempre foi um aluno de atitude e protagonismo para tomar decisões nas oportunidades que teve desde sua época de estudante do Centro Universitário.

Leia também:  Entidades religiosas de Matriz Africana recebem apoio do Escritório da Cidadania

Sua trajetória acadêmica é repleta de obstáculos, principalmente pelo longo período vivenciado na pandemia durante sua graduação, até se formar em 2022. Glauter Januzzi, seu professor e mentor enquanto estudante do UniFOA, enalteceu a conquista do egresso, destacando sua força de vontade e perseverança, mesmo ao passar por períodos desafiadores:

“Independentemente dos contratempos pandêmicos, Lucas apresentava atitude e protagonismo para aproveitar as oportunidades que, como professor, eu oferecia à sua turma. Ele sempre demonstrou muito interesse por aprender e se conectar com pessoas. O objetivo da maior empresa de software do mundo é reconhecer aqueles profissionais que não apenas possuem conhecimento técnico mas que lideram ações junto à comunidade. Todos estamos muito orgulhosos por esse reconhecimento recebido pelo nosso egresso pela Microsoft”, concluiu Glauter.

Muito orgulhoso e grato, Lucas valorizou a estrutura proporcionada pelo UniFOA para que ele se tornasse o profissional que é atualmente. Ele ainda exaltou o corpo docente que, segundo ele, foi fundamental para que chegasse neste ponto de sua carreira:

“O UniFOA com certeza me colocou no caminho certo para conquistar isto! A interação com professores notáveis, que abriram minha mente para tópicos inseridos dentro da IA, foram fundamentais na minha jornada. O professor Glauter merece destaque especial por expandir minha rede, conectando-me a profissionais de várias áreas, o que enriqueceu minha compreensão do mercado e ajudou a definir minhas metas. A infraestrutura do campus, especialmente o laboratório de informática avançado, e o apoio contínuo dos coordenadores e professores também foram determinantes. Sou grato por essa caminhada enriquecedora que moldou tanto minha vida pessoal quanto profissional”, finalizou Lucas.

Leia também:  Alunos visitam Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais

COMPARTILHAR

Leia também...

Escolha abaixo a melhor opção

Olá! Sou seu assistente Virtual. Posso te ajudar?

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Saiba mais.

Luciana Pereira Pacheco Werneck

Especialização em Gerenciamento de Projetos
Data de admissão: 01/02/2018
Disciplinas lecionadas

Luciana Pereira Pacheco Werneck

Especialização em Gerenciamento de Projetos
Data de admissão: 01/02/2018
Disciplinas lecionadas

Luciana Pereira Pacheco Werneck

Especialização em Gerenciamento de Projetos
Data de admissão: 01/02/2018
Disciplinas lecionadas