Palestra sobre Lei Maria da Penha abre Semana Jurídica do UniFOA

Lei Maria da Penha
Palestra foi ministrada pelo Deputado Federal Antônio Furtado.

Foi aberta, nesta segunda-feira (09), a XXIII Semana Jurídica, um evento alusivo às comemorações pelos 20 anos do Curso de Direito do UniFOA. A primeira noite contou com a palestra “Lei Maria da Penha: conhecer para se proteger” ministrada pelo deputado federal Dr. Antônio Furtado, no Auditório William Monachesi, no Campus Três Poços.

Lei Maria da Penha

Furtado falou sobre seus conhecimentos e práticas de delegado, pelos mais de dez anos em que atuou nas delegacias aplicando, entre outras, a Lei Maria da Penha. Ele esclareceu que as pesquisas demonstram que esta é a legislação mais conhecida do país. Cujo objetivo é punir praticantes de violência doméstica familiar e íntima. Com essa exposição, o deputado detalhou sobre como essa lei funciona e pode proteger as mulheres de fato.

maria da penha 1

“Muitas mulheres sequer conhecem seus direitos e os homens muitas vezes acreditam que determinadas condutas não são criminosas, mas são. Então, a gente vem aqui pra desfazer alguns mitos e, acima de tudo, proteger da forma mais ampla possível as mulheres que precisam conhecer os seus direitos e como funciona a nossa Lei Maria da Penha. Estou muito feliz com esta oportunidade, de estar num ambiente acadêmico e agradeço ao UniFOA. Espero que os alunos saiam daqui mais sábios do que chegaram”, ressaltou.

Segundo a coordenadora de Direito, Daniele do Amaral, o objetivo da Semana Jurídica é proporcionar aos alunos o aprendizado de conteúdos transversais, interdisciplinares e práticos. E esta é uma das ações de fomento à qualificação dos discentes e formação continuada aos egressos.

Leia também:  UniFOA recebe presidente das comissões da Verdade da Escravidão Negra e de Igualdade Racial do Instituto dos Advogados Brasileiros

Programação

maria da penha 3

A programação seguiu nesta terça (10), pela manhã, com duas oficinas: Inquérito Policial na Prática (Sala 14 – Prédio 10) e Técnicas para Atender um Cliente (Sala 13 – Prédio 10).

Às 19h, haverá a palestra 13 de Maio e a Reparação: O parecer do Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB) sobre “Aspectos Jurídicos da Reparação da Escravidão Negra”, com o Dr. Humberto Adami, Conselheiro da Seccional OAB/RJ, presidente da CEVENB (Comissão Estadual da Verdade da Escravidão Negra da OAB RJ e da CIR IAB (Comissão da Igualdade Racial do Instituto dos Advogados Brasileiros).

Na oportunidade, estarão presentes também o Dr. Dario Aragão, coordenador do Escritório da Cidadania do UniFOA e Dr. Almir Gonçalves Fernandes, egresso do curso de Direito e Advogado. A palestra ocorrerá no Auditório William Monachesi.

A programação completa, com oficinas e palestras, você confere aqui.

Compartilhe:

Posts relacionados:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Ainda não sabe o curso?

Não tem problema! Preencha seus dados abaixo e enviaremos conteúdos para facilitar sua escolha:)

Escolha abaixo a melhor opção

Olá! Sou seu assistente Virtual. Posso te ajudar?

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Saiba mais.

Luciana Pereira Pacheco Werneck

Especialização em Gerenciamento de Projetos
Data de admissão: 01/02/2018
Disciplinas lecionadas

Luciana Pereira Pacheco Werneck

Especialização em Gerenciamento de Projetos
Data de admissão: 01/02/2018
Disciplinas lecionadas

Luciana Pereira Pacheco Werneck

Especialização em Gerenciamento de Projetos
Data de admissão: 01/02/2018
Disciplinas lecionadas