5 segredos que ninguém nunca te contou sobre o ENEM

O Exame Nacional do Ensino Médio é a grande oportunidade que muitos alunos têm para entrar na faculdade. Por isso, é preciso saber sobre ele de maneira que você tenha o máximo de informações possíveis sobre a prova. Conheça agora os segredos do ENEM para não ter surpresas quando ele chegar.

Confira e tenha maiores condições para estudar e se preparar melhor.

1. Você pode chutar à vontade se não souber a resposta

Isso só não seria válido se o ENEM funcionasse como outras provas em que o aluno perde ponto quando erra a questão ou ainda se a prova fosse corrigida por professores, mas não é o caso.

O ENEM simplesmente não atribui pontos negativos para questões erradas, apenas não soma pontos a elas. Da mesma forma, a correção é feita via computador, o que evita que a interpretação do corretor comprometa sua nota.

Sendo assim, ao não saber a resposta certa, a melhor maneira de lidar com a questão é arriscando uma resposta.

2. Você pode levar o caderno de questões para a casa

Se você gosta de chegar em casa e conferir cada detalhe da prova realizada, no caso do ENEM, é preciso ter paciência para ter esse benefício.

Desde que você permaneça na sala até pelo menos 30 minutos antes do fim da prova, você poderá levar consigo o caderno de questões. Neste caso, mesmo que você seja rápido para responder as questões, o ideal é usar o tempo que sobra para descansar um pouco antes de revisar suas respostas.

Leia também:  O que é o estudo intercalado e quais os benefícios dessa técnica?

3. Você só pode sair duas horas depois do início da prova

Outro motivo para não fazer a prova com pressa. O ENEM só permite que o candidato saia do exame após duas horas de seu início.

Essa é uma medida de segurança, uma vez que dificilmente o aluno conseguirá concluir o exame em menos tempo do que isso. Uma das fraudes mais comuns em concursos acontece quando um candidato sai da sala com a prova e envia as respostas para quem está dentro da sala.

4. A prova do ENEM não segue os mesmos critérios do vestibular tradicional

O ENEM é marcado por abrir a possibilidade do aluno de ingressar em uma entre inúmeras faculdades do país, enquanto isso, o vestibular tradicional visa preencher as vagas dentro de uma mesma instituição. Isso faz com que as provas sejam diferentes. Tanto em relação à abrangência, quanto à linguagem e o conteúdo programático.

O ENEM é mais voltado à interdisciplinaridade, enquanto os vestibulares tradicionais são mais focados em atribuir pesos diferentes de acordo com o perfil de cada faculdade.

5. Redação sem título não leva nota zero

No ENEM, o título para a redação é opcional, o que significa que você não perderá pontos caso prefira deixá-la sem título. É importante que o aluno se informe a respeito das regras de cada prova que vai prestar, pois muitas instituições exigem o título e até zeram a prova quando eles não estão presentes.

Leia também:  Vale a pena fazer faculdade de Medicina no interior?

Leia o edital e converse com professores. Isso certamente vai ajudá-lo a evitar riscos.

Curtiu esses segredos do ENEM? Deixe sua pergunta aqui no post se ficou alguma dúvida.

COMPARTILHAR

Leia também...

Escolha abaixo a melhor opção

Olá! Sou seu assistente Virtual. Posso te ajudar?

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Saiba mais.

Luciana Pereira Pacheco Werneck

Especialização em Gerenciamento de Projetos
Data de admissão: 01/02/2018
Disciplinas lecionadas

Luciana Pereira Pacheco Werneck

Especialização em Gerenciamento de Projetos
Data de admissão: 01/02/2018
Disciplinas lecionadas

Luciana Pereira Pacheco Werneck

Especialização em Gerenciamento de Projetos
Data de admissão: 01/02/2018
Disciplinas lecionadas