Ainda inseguro sobre fazer um teste vocacional? Vamos conversar!

Escolher uma área de atuação é um dos principais desafios de quem pretende fazer faculdade. Ainda que seja impossível ter 100% de certeza sobre a carreira que devemos seguir, há maneiras de chegar perto dessa resposta. Uma delas é fazer um teste vocacional.

Você já deve ter visto outros estudantes discutindo sobre isso ou escutado o termo em algum lugar. Pois bem, se ainda tem dúvidas sobre a eficácia desse tipo de teste e suas vantagens, fique conosco e se informe!

O que são testes vocacionais?

São, basicamente, ferramentas que auxiliam na escolha profissional. Não é à toa que derivam da palavra “vocação”, que está relacionada a uma tendência do indivíduo para exercer determinadas atividades — de acordo com suas habilidades, aptidões e interesses específicos.

Como funcionam e para que servem?

Existem vários tipos de teste vocacional. O mais comum e rápido de fazer aparece na forma de questionário em sites ou aplicativos para estudantes. Nesses casos, basta acessar as páginas especializadas e selecionar os modelos que deseja responder.

Também há o teste vocacional feito com profissionais. Geralmente são psicólogos que realizam atendimentos focados em direcionamento de carreira. Trata-se de uma opção mais completa e, portanto, com maiores chances de acerto.

Independentemente do modelo, todo teste vocacional tem como objetivo levantar os níveis de interesse de uma pessoa sobre determinada área. Para isso, são avaliados aspectos como personalidade, competências e talentos natos.

Leia também:  Guia do Calouro para a Faculdade: Navegando pelos Primeiros Passos na Vida Acadêmica!

Por que fazer um teste vocacional?

Apesar de direcionarem para determinadas profissões do mercado, os testes vocacionais não devem ser entendidos como verdades absolutas. Eles servem como ferramentas auxiliares para quem ainda tem dúvidas sobre qual área seguir.

Com um questionário simples, por exemplo, você saberá se realmente tem afinidade com as Ciências Humanas ou tem mais inclinação para a área de Biológicas. Em todo caso, é importante avaliar os resultados com paciência e cuidado.

Em outras palavras, o teste vocacional pode ser considerado um complemento na busca da orientação profissional. Com ele, é possível obter um caminho/direção que facilite a tomada de decisão em relação à carreira.

Ficou com vontade de testar? Pois saiba que existem várias opções disponíveis na internet. Para facilitar a busca, separamos 3 modelos que você pode experimentar agora mesmo, do mais simples ao mais completo:

  • Teste Neora: básico e intuitivo, exige que você selecione as palavras com as quais mais se identifica. Ao final, a ferramenta faz a combinação dos termos para traçar um perfil e indicar cursos;
  • Teste A Real Me: com a coleta das características que mais se aproximam e se afastam de seu perfil, consegue apresentar carreiras interessantes;
  • Teste Quero Bolsa: baseado na Teoria das Inteligências Múltiplas do psicólogo Howard Gardner, faz um levantamento das principais habilidades para, então, apontar seis profissões compatíveis.
Leia também:  O que todo estudante precisa saber antes de seguir carreira em direito

Para garantir melhores resultados, procure reservar ao menos meia hora para fazer cada teste. Também escolha um ambiente tranquilo e livre de distrações para se concentrar nas perguntas e respondê-las com sinceridade.

Terminadas as questões, basta analisar as respostas e refletir com calma sobre as áreas apontadas. Lembre-se de usar o resultado do teste vocacional apenas como ponto de partida para discutir possibilidades e buscar o norte em sua carreira.

Gostou do artigo e quer mais conteúdos relacionados à vida profissional? Assine a nossa newsletter e fique de olho nas próximas publicações!

COMPARTILHAR

Leia também...

Escolha abaixo a melhor opção

Olá! Sou seu assistente Virtual. Posso te ajudar?

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Saiba mais.

Luciana Pereira Pacheco Werneck

Especialização em Gerenciamento de Projetos
Data de admissão: 01/02/2018
Disciplinas lecionadas

Luciana Pereira Pacheco Werneck

Especialização em Gerenciamento de Projetos
Data de admissão: 01/02/2018
Disciplinas lecionadas

Luciana Pereira Pacheco Werneck

Especialização em Gerenciamento de Projetos
Data de admissão: 01/02/2018
Disciplinas lecionadas