O que é a nota mínima no Enem? Descubra agora!

Se você está se preparando para conquistar a tão sonhada vaga no ensino superior, certamente, prestará o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), não é mesmo? Afinal, essa prova não só ajuda você a testar os seus conhecimentos, como também serve como porta de entrada para várias instituições de ensino.

Porém, para aproveitar essa oportunidade ao máximo, é fundamental entender o que é a nota mínima no Enem. Pensando nisso, neste post, vamos explicar como ela funciona e quais são outras formas de ingressar em uma faculdade. Então, continue a leitura e confira!

Como a nota do Enem é calculada?

Antes de mais nada, é preciso entender como a nota do Enem é calculada. O exame é dividido em duas partes — a prova objetiva e a redação —, e ambas as notas serão somadas e divididas por dois para obter a média do estudante.

Contudo, é preciso lembrar que, no Enem, as questões não valem um ponto cada. Isso porque ele utiliza a Teoria de Resposta ao Item (TRI), que procura mapear as respostas do candidato em relação à quantidade de acertos de questões fáceis, médias e difíceis. Dessa forma, oferece bonificações sempre que houver uma coerência no resultado.

Qual é a diferença entre nota mínima no Enem e nota de corte?

A nota mínima no Enem é a pontuação necessária para que o aluno possa se candidatar aos processos seletivos dos programas do governo, ou das próprias instituições de ensino. Por exemplo, para participar do Prouni, é preciso ter uma nota mínima superior a 450 pontos na prova objetiva.

Leia também:  Qual é a importância da qualificação profissional nos dias atuais?

Já a nota de corte é aquela obtida pelo último aluno da lista a conquistar uma vaga naquele determinado curso. Ou seja, para entrar em uma faculdade, a sua nota do Enem precisa ficar acima da nota de corte do curso pretendido.

Como funciona a nota mínima na redação?

Já no caso da redação do Enem, a nota mínima varia de acordo com a instituição de ensino pretendida. Algumas delas, inclusive, preferem aplicar uma redação própria aos candidatos, desconsiderando a pontuação obtida no exame.

Já no caso do Prouni, mencionado anteriormente, o estudante não poderá ter zerado a redação, caso queira concorrer ao processo seletivo.

Quais são as outras formas de ingresso na faculdade?

Se você não conseguir a nota esperada no Enem, não se desespere! Isso porque existem outras formas de ingressar no ensino superior, como por meio dos vestibulares online ou presenciais.

Essa maneira tradicional de acesso à faculdade pode oferecer algumas vantagens ao candidato, como a possibilidade de poder agendar a prova para uma data que lhe convenha, além de ser uma opção menos concorrida e que também pode oferecer bolsas de estudo ao aluno que obtiver um bom desempenho.

Como vimos, entender como funciona a nota mínima no Enem é fundamental para quem pretende ingressar no ensino superior com a pontuação da prova. Se você não obteve um bom resultado no exame, não se esqueça de que há outras maneiras de entrar em uma faculdade, como pelo vestibular direto. Por isso, não desista de seu sonho e continue com a sua preparação!

Leia também:  Confira 3 dicas de como estudar no final de semana sem exaustão

Se você gostou deste post, aproveite para nos seguir nas redes sociais. Estamos no Facebook, no Twitter e no Instagram!

COMPARTILHAR

Leia também...

Escolha abaixo a melhor opção

Olá! Sou seu assistente Virtual. Posso te ajudar?

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Saiba mais.

Luciana Pereira Pacheco Werneck

Especialização em Gerenciamento de Projetos
Data de admissão: 01/02/2018
Disciplinas lecionadas

Luciana Pereira Pacheco Werneck

Especialização em Gerenciamento de Projetos
Data de admissão: 01/02/2018
Disciplinas lecionadas

Luciana Pereira Pacheco Werneck

Especialização em Gerenciamento de Projetos
Data de admissão: 01/02/2018
Disciplinas lecionadas