O que são e como usar as citações para redação Enem?

A redação do Enem é uma das partes mais importantes da prova. Além de servir para desempate em processos como Sisu e FIES, ela aumenta a média do aluno e o deixa mais próximo da vaga almejada. Afinal, pode alcançar 1.000 pontos. Por isso, investir em uma redação completa e bem estruturada é essencial. Para isso, você pode usar as citações para redação no Enem.

Neste post, confira o que são elas e seus tipos. Saiba também como usá-las na hora da prova e veja boas dicas para estudar e ir bem no Enem. Boa leitura!

Afinal, o que são citações e quais os seus tipos?

As citações são frases com falas e textos de vários autores, que você pode colocar na prova do Enem. Elas servem como uma maneira de reforçar seus argumentos, especialmente se a pessoa citada é um especialista na área. Com isso, a redação fica mais completa e valorizada.

Porém, antes de usar as citações para redação no Enem, você precisa saber que existem diferentes tipos:

  • citação direta: indica a fala exata de alguém, o que exige que ela esteja entre aspas ou com travessão.
  • citação indireta: quando você explica a ideia de outra pessoa com suas próprias palavras, mas deve referenciá-la usando termos como “segundo” ou “conforme”.
  • citação indireta livre: mais usada em narrativas, é como se o narrador e o personagem se misturassem.
Leia também:  O que são as atividades complementares e como fazê-las

Como usar citações para redação no Enem?

No Enem, as citações mais comuns vão ser a direta e a indireta. Assim, embora a ABNT, órgão que regulamenta as normas acadêmicas, tenha muitas regras, na prova do Enem aceita-se modelos mais simples.

  • Citação direta: “’O tempo não para’, disse Cazuza em uma de suas músicas mais famosas.”
  • Citação indireta: “Segundo Martin Luther King Jr., em seu discurso ‘I have a dream’, todos os homens são iguais.”

Apesar disso, caso se lembre dessas informações, você pode seguir o estilo ABNT, indicando o ano de uma obra e até sua página. Nesse caso, um exemplo seria:

  • “Darwin (1859), apontou que a seleção natural (…)”

Outro aspecto importante é saber onde colocá-las. Nesse caso, o melhor lugar é o desenvolvimento, para que elas colaborem com os seus próprios pensamentos. Dessa forma, é bom controlar a quantidade e o tamanho, e só usar citações quando necessário. Afinal, a redação deve trazer a sua defesa do tema.

Por fim, concordar ou discordar dos autores na argumentação é uma boa forma de mostrar domínio do conteúdo. Aqui, também vale citar vários autores para criar a defesa de um pensamento mais completo.

A escolha das citações

Mais do que referenciar corretamente as citações para redação no Enem, também é preciso saber escolhê-las. Afinal, elas precisam vir de fontes confiáveis e ter a ver com o tema tratado.

Leia também:  Descubra como melhorar o networking por meio de 4 dicas incríveis

Sendo assim, como você não sabe o tema com antecedência, é importante ter atenção aos possíveis assuntos e ler autores que possam falar sobre eles. Além disso, conhecer as teorias de estudiosos ligados à Sociologia, Filosofia e Antropologia também pode oferecer a argumentação necessária para algumas citações.

Além das citações: como estudar para ir bem na prova?

Para ter um amplo repertório de referências para citar, ler, assistir filmes, ouvir podcasts e entrar em contato com várias pessoas é essencial.

Além disso, para uma boa prova do Enem, você pode usar os mesmos recursos para tornar o estudo mais leve, aprendendo inclusive com o que você gosta, por exemplo, um documentário ou série.

Outra dica para o estudo ir bem é fazer um cronograma completo, dividindo o tempo entre os vários conteúdos, especialmente aqueles que você tem mais dificuldades.

A redação do Enem tem um grande peso no seu resultado final, inclusive, servindo de critério para desempate. Portanto, é imprescindível fazer um bom texto, buscando torná-lo rico com uma excelente argumentação de ideias. Além disso, investir em citações para redação do Enem ajuda a tornar o conteúdo mais rico em referências, mostrando que você tem domínio do conteúdo e baseia sua argumentação em estudos prévios, que complementam o tema.

Quer receber mais dicas de como ir bem no Enem? Assine a nossa newsletter!

Leia também:  Jovem Aprendiz: O primeiro passo rumo ao mundo profissional

COMPARTILHAR

Leia também...

Escolha abaixo a melhor opção

Olá! Sou seu assistente Virtual. Posso te ajudar?

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Saiba mais.

Luciana Pereira Pacheco Werneck

Especialização em Gerenciamento de Projetos
Data de admissão: 01/02/2018
Disciplinas lecionadas

Luciana Pereira Pacheco Werneck

Especialização em Gerenciamento de Projetos
Data de admissão: 01/02/2018
Disciplinas lecionadas

Luciana Pereira Pacheco Werneck

Especialização em Gerenciamento de Projetos
Data de admissão: 01/02/2018
Disciplinas lecionadas